CÂMARA CONCEDE MOÇÃO DE APLAUSOS À PROFESSORA EVERALDINA VIEIRA DOS SANTOS

A Câmara concedeu Moção de Aplausos nº 048/2022, de autoria do vereador (Republicanos), à professora Everaldina Vieira dos Santos como forma de homenagem póstuma ao trabalho excepcional desenvolvido pela educadora enquanto em vida. A educadora teve seu nome dado à antiga Escola Municipal de Salvador, localizada no distrito de Monte Gordo.

Na oportunidade, Lucicleide, professora do município, relembrou a história de vida marcante da docente, destacando a admiração e respeito que a comunidade nutre pelo serviço de amor e dedicação desenvolvido por Everaldina.

“Costumo dizer que trabalhamos para pagar nossas contas, mas devemos fazer isso com amor e era isso que Everaldina fazia, trabalhava com amor. Fui aluna dela e, desde então, é a minha inspiração, pois sempre sentava com a gente para conversar e contar sobre sua história e nos inspirar. Ela veio para Camaçari com 20 anos, trazida por um padre, e não tinha muitos recursos disponíveis, mas sempre lutou pela educação. Ela fez muita diferença no município, pois dedicou 39 anos de sua vida a esta causa. Ficarei muito feliz cada vez que pronunciar ‘Escola Municipal Professora Everaldina Vieira dos Santos”, declarou.

Em seguida, Neurilene Martins, Secretária de Educação de Camaçari, prestou sua homenagem à memória da professora, reforçando sua comoção em fazer parte da mudança de nome da instituição de ensino como forma de homenagem. “Uma mulher negra, mãe e batalhadora, que colocou seu coração na educação em Camaçari. Para mim é um privilégio realizarmos essa mudança para eternizarmos o nome de alguém que representou e viveu a profissão com tanta dedicação”.

O vereador Manoel Jacaré (PSDB), por sua vez, afirmou que sente muita gratidão por ter conhecido alguém de tamanha dedicação ao desenvolvimento social. “Não tenho outra coisa a fazer senão sentir gratidão por tudo que a professora Everaldina fez no município. Ela era uma grande líder, sempre disposta a ajudar e cuidar do próximo”.

Já os vereadores Vaninho da Rádio (União Brasil) e Val Estilos (Republicanos), reforçaram a importância de existirem pessoas compromissadas com a educação atuando na comunidade e o impacto positivo que esta Moção representa. “Já fui aluno de Everaldina e quero dizer que ela foi uma mulher sem igual. Sua forma de viver jamais será esquecida”, declarou o vereador Vaninho. “Esse momento é de unir forças, por isso, é muito importante estarmos aqui, juntos, prestando essa homenagem à esta mulher que fez tanto pelo município”, complementou o vereador Val Estilos.

Por fim, a homenagem foi entregue aos familiares da professora pelo presidente da Câmara, Júnior Borges (União Brasil), que discursou a respeito de sua admiração e respeito pelos profissionais da educação, em especial a professora Everaldina, finalizando com um convite ao Vereador Manoel Filho (PDT) para que conduzisse uma oração.
“É breve nossa passagem por aqui, então o que fazemos com isso? A educadora Everaldina viveu intensamente aquilo que acreditava que poderia ser, lutou para transmitir mensagens positivas à todos ao seu redor. Sou um homem temente a Deus, por isso convidei o pastor e vereador Manoel Filho (PDT) para realizar uma oração em busca da benção de Deus à família da professora Everaldina, aos moradores de Monte Gordo e também a todos os professores do município”, finalizou o parlamentar.

tv CÂMARA


24.11 | 12ª Sessão Ordinária do 2º Período Legislativos – 24 de Novembro 2022
Assista também a TV Câmara ao vivo pelo celular através do YouTube