Programa Papo de Mulher discute “Imagem da Mulher – Objetificação ou Empoderamento”

 

O programa semanal Papo de Mulher, transmitido pela TV Câmara, recebeu na última edição as advogadas Golda Mazur e Vitória Lisboa, para conversar sobre o tema “Imagem da Mulher – Objetificação ou Empoderamento”. O bate papo teve como centro discutir como a imagem da mulher é vista perante a sociedade atualmente e os desafios que o feminismo trouxe em relação aos direitos das mulheres.
Golda Mazur explicou que a imagem da mulher perante a sociedade é algo complexo tanto para as feministas que acreditam que a liberdade está associada ao poder de fazer tudo sem limites, quanto para as feministas que defendem que há muitos limites. Segundo ela ainda existem as mulheres que apoiam o equilíbrio entre esses dois pontos.
“Eu acredito que o olhar do outro influencia na forma que somos enxergadas, a ideia é que a gente tenha liberdade como qualquer ser humano, a gente não deveria se preocupar com o que o outro pensa a nosso respeito, mas infelizmente não é assim”, contou.
Ainda no programa, foi discutido o assédio sexual nas redes sociais com a grande exposição do corpo feminino como forma de liberdade. Para Vitória Lisboa, é importante que a sociedade entenda que o crime na rede social também existe, e que existem leis específicas para combatê-los. “Trazendo a situação para questões mais jurídicas, quando a imagem de alguém é violada tem consequências tanto cíveis quanto criminais. Um exemplo, se uma mulher posta uma foto de biquíni na internet e alguém tira um print e manda para grupo de amigos e do trabalho, isso é passivo de indenização, danos morais, e até danos materiais, se for o caso. Sendo casos mais sérios, entra questões criminais”, orienta.
Ainda na entrevista, foi destacado a importância de entender que a imagem objetificada do corpo feminino tem trazido complicações para o público jovem, mais especificamente de meninas com idade abaixo de 18 anos nas redes sociais.
As advogadas também explicaram que as denúncias quanto a assédios, crimes e importunações podem ser feitas pelas delegacias especializadas tanto físicas quanto virtuais, além da importância de reportar as contas que praticam essas ações nas redes sociais.
A entrevista foi ao ar na última quarta-feira (01/06), e está disponível no canal oficial da TV Câmara no YouTube (youtube.com/tvcamaracamacari). O programa acontece todas as quartas-feiras às 15h por meio do Canal 25.1, da TV Litorânea, e simultaneamente através do Youtube.

tv CÂMARA


27.09 | Audiência Pública para a Prestação de Contas do 2º Quadrimestre – 26 de Setembro 2022
Assista também a TV Câmara ao vivo pelo celular através do YouTube